Perguntas frequentes.

O WinSSDino permite a criação de variáveis. Estas variáveis são criadas e configuradas segundo a regra definida pelo usuário. 

Criando a Variavel: Defina o nome na coluna correspondente, a variável base, depois defina a regra/cálculo, e habilite a linha na coluna correspondente.

Usando a Variável: Na tela de Gráficos selecione a variável através de nome dado a ela, e carregue um teste qualquer.

A variável criada ficará desiganda com a nomenclatura "(EDIT)" para se diferenciar das variáveis normais. A criação e uso de novas variáveis é de responsabilidade do usuário.

 

 

Dinamômetro é um equipamento capaz de medir torque e potência de um motor, entre outras funções.

Auxiliar mecânicos e preparadores a melhorar o desempenho do motor ou resolver problemas mecânicos do veículo. 

Coloca-se o veículo com suas rodas de tração sobre o rolo, e acelera-se o motor totalmente em determinada marcha, assim se obtém o torque e a potência que o motor entrega ao rolo. O aparelho gera um gráfico da potência e do torque em função da rotação do motor ou da velocidade, que nada mais é do que a "fotografia" do motor em uma aceleração. O Dinamômetro Servitec é do tipo inercial, onde a roda do veículo a ser medido faz girar um rolo com peso conhecido, e assim determina o torque e a potência do veículo

A interpretação do gráfico abrange vários fatores:
- As rotações onde o motor é mais forte ou mais fraco;
- A qualidade geral da curva, como a potência média;
- As rotações onde o motor possui melhor rendimento, ou melhor, desempenho;
- Se há falhas na alimentação de combustível ou falhas mecânicas, entre outros... 

Nota: Vale lembrar que a potência lida no gráfico é a potência gerada na roda do veículo. Para se obter a potência no motor deverão ser consideradas as perdas do sistema de transmissão e atrito dos pneus. 

Torque é força do motor propriamente dita, quando medido na roda é a força que a roda entrega ao rolo. Potência é o trabalho realizado pelo motor em uma unidade de tempo. Na prática temos que potência é o produto da força do motor pela sua rotação em determinado tempo. 

Todo bom preparador sabe o que quer: diminuir o tempo na pista, satisfazer seu cliente, e com isso ganhar dinheiro e respeito. Podemos resumir tudo em uma frase, "Ganhar cavalos". Um preparador experiente sabe que as modificações por ele feitas vão render vários cavalos, mas ele não pode sentir um simples 1% de aumento de potência. O dinamômetro Servitec é único dinamômetro no Brasil que pode mostrar ao usuário todos os ganhos, por menores que eles sejam.

Falsos cavalos não ganham corridas. Um dinamômetro essencialmente mede velocidade, rotação e força de frenagem, todos os outros dados e variáveis são calculados a partir deles, ademais possui entradas e saídas analógicas e digitais para a interpolação de sensores e variáveis no gráfico. O dinamômetro Servitec calcula, por princípios físicos, a potência real e plota no gráfico; interpretando o gráfico é possível presumir: potência de aceleração, potência estática, potência de pico, potência perdida, entre outros.

 

Algumas funções exclusivas:

Ø  Rolo contínuo. Veículos de força precisam de rolos com peso e inércia adequada para que assim consigam entregar totalmente sua potência.

Ø  Menos partes móveis e assim menos perdas com manutenção e paradas.

Ø  Compatível com as normas: NBR ISO 1585, SAE J 1349, DIM 70020, JIS D 1001, e sua aplicação correta.

Ø  A Servitec é a empresa que possui maior número de dinamômetros instalados e rodando no Brasil. Quem entende recomenda.

Ø  Atualizações constantes de software, devido a Servitec ser detentora de todas as partes do dinamômetro. Sua ideia pode estar inserida na próxima atualização.

Ø  Frenagem variável durante a gravação de ensaios. O Software é configurável, intuitivo e moderno.

Ø  Melhor facilidade de visualização de valores pontuais do gráfico.

Ø  Estrutura rígida e dimensionada para maior segurança.

 

Ø  O preparador pode criar e salvar suas próprias variáveis.

As medidas realizadas por um dinamômetro inercial (de rolo) são feitas na roda, ou seja, existem perdas de potência e torque devido a relação de transmissão. As especificações declaradas pelo fabricante do veículo, são especificamente do motor, onde não há perda por transmição ou periféricos de funcionamento como por exemplo o alternador.

A grande parte dos paineis de veículos apresenta uma tolerância na medida da velocidade, que gira em torno de 10%, a medida realizada no dinamômetro é a exata.

Não encontrou o que procura?

Preencha o formulário abaixo que entraremos em contato o mais breve possível.